Fichas técnicas sobre alérgenos

Barata Fatos sobre alérgenos, sintomas e tratamento

Year round
Year round
Allergy Insider

Barata

Existe uma forte ligação entre alergia a barata, asma e rinite alérgica (febre do feno).1 Além disso, a alergia a barata é um fator de risco importante para internações hospitalares e atendimentos em pronto-socorro, bem como uma causa significativa de sintomas relacionados à asma.2,3 A alergia a barata também parece ter um impacto maior sobre os jovens em regiões mais centrais das cidades, já que cerca de 70 a 80% das crianças asmáticas em áreas centrais apresentam sensibilidade a barata, em comparação com apenas 21% em ambientes suburbanos.4

Existem cerca de 4.600 espécies de barata, mas apenas algumas são consideradas pestes, e somente cinco variedades são frequentemente encontradas nas casas: barata germânica, barata americana, barata oriental, barata cinzenta e barata de faixa marrom.5,6 Dessas cinco, as variedades germânica e americana são as espécies alergênicas mais comuns e infestam moradias humanas.3,6 De cor marrom avermelhada, a barata americana mede cerca de 30 a 50 milímetros. A barata germânica, que é menor e muitas vezes levada para dentro de casa em sacolas de supermercado, tem normalmente 12 milímetros e é marrom-clara com duas listras escuras. A maioria das espécies prefere ambientes quentes, úmidos e escuros, e comem produtos vegetais e animais, além de itens como papel, roupas, livros, insetos mortos e comida humana.5

Proteínas alergênicas de barata de descamações de pele, secreções, cascas de ovos, corpos inteiros e material fecal podem ser transportadas pelo ar e causar sintomas de alergia.2 As baratas também espalham sujeira e estragam alimentos e materiais, pois despejam porções de comida parcialmente digerida, deixam cair fezes e emitem secreções que têm um cheiro desagradável.7 Infelizmente, as baratas são comumente encontradas em residências urbanas em todo o mundo.6

Onde as baratas são encontradas?

As baratas preferem ambientes quentes e úmidos onde há comida disponível.7 Fatores que aumentam as infestações de baratas incluem a degradação de edifícios e alta densidade populacional.3 Ativas à noite, as baratas tendem a viver em grupos. Elas costumam se esconder em rachaduras e fendas nas paredes, batentes de portas, móveis, armários, túneis de vapor, porões, televisores, dispositivos eletrônicos, ralos e sistemas de esgoto.7 Causando sintomas durante o ano todo, os alérgenos podem ser encontrados em todas as residências em locais como camas, móveis e tapetes, com as concentrações mais altas normalmente localizadas na cozinha.11 Mesmo após o extermínio, contudo, os alérgenos de barata podem permanecer no ambiente por vários meses.6

Prepare-se para a próxima consulta médica. 

Preencha nosso rastreador de sintomas

Saiba mais sobre as opções de teste de alergia para IgE específica.

Leia mais

Existem outros alérgenos que poderiam me sensibilizar?*

Existe reatividade intraespécie e interespécies entre as baratas. Por exemplo, se você é alérgico à barata americana, também pode ser alérgico à variedade germânica. Além disso, você pode ser alérgico a outros artrópodes (por ex., camarão e caranguejo), insetos (por ex., borboletas e traças), aracnídeos (por ex., ácaros) e moluscos (ex, ostras e vieiras). Isso é chamado de reatividade cruzada e ocorre quando o sistema imunológico do corpo identifica proteínas ou componentes em substâncias diferentes como sendo estruturalmente semelhantes ou biologicamente relacionadas, desencadeando uma resposta.2

*É possível que esses produtos não estejam liberados para uso médico no seu país. Converse com o médico para entender a disponibilidade.

Como é possível controlar a alergia?

Se você for alérgico a baratas, o médico pode recomendar um plano incluindo o seguinte.2,3,4,7,8,9,12,13

  • Localize e remova esconderijos de baratas e fontes de alimento.
  • Armazene os alimentos em recipientes fechados.
  • Limpe e remova as tigelas de ração depois que os animais terminarem de comer.
  • Limpe a bagunça.
  • Extermine os camundongos e vede buracos e rachaduras para evitar a reinfestação.
  • Limpe profundamente o ambiente assim que as baratas forem removidas para reduzir os alérgenos residuais.
  • Conserte torneiras e canos com vazamento para remover fontes de água acessíveis às baratas.
  • Aspire e varra o chão após as refeições e lave a louça imediatamente.
  • Leve o lixo para fora com frequência e cubra bem as latas de lixo.
  • Limpe as migalhas de comida de balcões, fogões e mesas.
  • Use armadilhas e iscas para baratas para eliminar pragas.
  • Verifique mantimentos, lavanderia e móveis para ver se há baratas antes de trazê-los para o prédio.
  • Considere entrar em contato com um exterminador profissional para implementar uma abordagem de controle integrado de pragas para remover fatores facilitadores (por ex., comida e água), bloquear as entradas e matar ou capturar esses insetos, quando necessário.

O médico pode orientar você a uma das seguintes terapias para melhorar os sintomas da alergia:

  • Os anti-histamínicos são comumente usados para reduzir sintomas como espirros, coceira e coriza.
  • Os corticosteroides nasais são usados para reduzir o edema do nariz e bloquear as reações alérgicas.
  • Os descongestionantes podem ser empregados para aliviar o bloqueio nasal.
  • A imunoterapia alergênica, conforme instruído pelo seu médico, pode ajudar a desenvolver a tolerância à exposição a baratas.

Procurando mais informações sobre alergia e dicas de gerenciamento?

Visite a seção Vivendo com alergias

Sintomas comuns

Os sintomas de alergia a barata podem incluir:8,9

  • Congestão nasal
  • Infecção auditiva
  • Sinusite
  • Espirros
  • Coriza
  • Olhos com coceira, vermelhos ou lacrimejantes
  • Coceira no nariz, na boca ou na garganta
  • Gotejamento pós-nasal
  • Tosse
  • Pele com coceira ou erupções

Para pessoas com asma, a alergia a baratas também pode causar qualquer um dos seguintes sintomas:8

  • Dificuldade para respirar
  • Aperto ou dor no peito
  • Chiado no peito
  • Problemas para dormir causados por falta de ar, tosse ou chiado no peito

Houve alguns casos de síndrome de alergia oral (SAO) em pacientes alérgicos a barata que consumiram crustáceos como o camarão.6 Esta síndrome é causada por alérgenos de reação cruzada em crustáceos e baratas. Os sintomas de SAO incluem o seguinte:10

  • Coceira ou urticária na boca
  • Dor de garganta
  • Inchaço dos lábios, boca, língua e garganta
  • Coceira no canal auditivo

Como saber se tenho alguma alergia?*

Junto com seu histórico de sintomas, o teste cutâneo ou o exame de sangue para IgE específica podem ajudar a determinar se você tem alergia a um alérgeno específico. Se você tiver um diagnóstico de alergia, o médico criará um plano de controle junto com você.

*É possível que esses produtos não estejam liberados para uso médico no seu país. Converse com o médico para entender a disponibilidade.

Existe risco de evento grave?

Os alérgenos a baratas são fortes indutores de sensibilização e asma, e a alergia a barata é um importante fator de risco para atendimento em pronto-socorro e internações hospitalares.2

  1. Pomés A, Chapman MD, Wünschmann S. Indoor Allergens and Allergic Respiratory Disease. Curr Allergy Asthma Rep. 2016 Jun;16(6):43. doi: 10.1007/s11882-016-0622-9. PMID: 27184001; PMCID: PMC4976688.
  2. EAACI, et al. Molecular allergology user’s guide. Pediatric Allergy Immunol. 2016 May;27 Suppl 23:1-250. do: 10.1111/pai.12563. PMID: 27288833. (115-121 p.) Disponível em: http://www.eaaci.org/documents/Molecular_Allergology-web.pdf.
  3. Baxi SN, Phipatanakul W. The role of allergen exposure and avoidance in asthma. Adolesc Med State Art Rev. 2010 Apr;21(1):57-71, viii-ix. PMID: 20568555; PMCID: PMC2975603. Disponível em: https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC2975603.
  4. Portnoy J. World Allergy Organization [Internet]. Milwaukee, WI: World allergy Organization; 2004 Dec [2018 Mar]. Disponível em: https://www.worldallergy.org/education-and-programs/education/allergic-disease-resource-center/professionals/allergen-avoidance.
  5. Encyclopedia Britannica [Internet]. Chicago: Encyclopedia Britannica Inc.; 2020 Nov 16. Disponível em: https://www.britannica.com/animal/cockroach-insect.
  6. Ozdemir O, Cockroach Allergy, Respiratory Allergic Diseases and Its Immunotherapy. Int J Immunol Immunother. 2014. 1:002. doi.org/10.23937/2378-3672/1410002. Disponível em: https://clinmedjournals.org/articles/ijii/ijii-1-002.php?jid=ijii.
  7. Rozendaal, J A, World Health Organization. (?1997)?. Vector control: methods for use by individuals and communities / prepared by Jan A. Rozendaal. World Health Organization. https://apps.who.int/iris/handle/10665/41968.
  8. Asthma and Allergy Foundation of America [Internet]. Arlington, VA: Asthma and Allergy Foundation of America; 2015 Oct. Disponível em: https://www.aafa.org/cockroach-allergy.
  9. American College of Allergy, Asthma & Immunology [Internet]. Arlington Heights, IL: American College of Allergy, Asthma & Immunology; 2018 Feb 1. Disponível em:
    https://acaai.org/allergies/types/cockroach-allergy.
  10. American College of Allergy, Asthma & Immunology [Internet]. Arlington Heights, IL: American College of Allergy, Asthma & Immunology; 2019 Mar 21. Disponível em: https://acaai.org/allergies/types/food-allergies/types-food-allergy/oral-allergy-syndrome.
  11. Arruda LK. Cockroach allergens. Curr Allergy Asthma Rep. 2005 Sep;5(5):411-6. doi: 10.1007/s11882-005-0015-y. PMID: 16091215.
  12. American College of Allergy, Asthma & Immunology [Internet]. Arlington Heights, IL: American College of Allergy, Asthma & Immunology; 2020 Jun 17. Disponível em:
    https://acaai.org/allergies/types/hay-fever-rhinitis.
  13. American Academy of Allergy, Asthma & Immunology [Internet]. Milwaukee WI, American Academy of Allergy, Asthma & Immunology. 2020 Sep 28. Disponível em: https://www.aaaai.org/conditions-and-treatments/library/allergy-library/indoor-allergens.